Jogos e brincadeiras: para além da seriação

Caminhos para a Inovação:   Tempo e Espaço Currículo Práticas

Jogos e brincadeiras favorecem o desenvolvimento? Estimulam a criatividade? O jogo deve ter caráter didático ou pode ter um fim em si mesmo? Além de ser "jogados", jogos físicos ou digitais podem ser criados por crianças e jovens? Quais as possibilidades e os limites de uma e de outra forma?

Essas são algumas das indagações que o curso Jogos e brincadeiras: para além da seriação propõe a você, professor(a). Vamos discutir e analisar a potencialidade de jogos e brincadeiras na constituição da infância, de maneira a estabelecer vínculos cada vez mais frutíferos entre brincar, aprender e crescer.

Período de Realização: 17 de agosto a 14 de setembro
Próximas turmas
09 de novembro a 07 de dezembro


Carga Horária: 20 horas

Áreas do Conhecimento: Linguagens, Transversal/ Projetos interdisciplinares

Modalidade: Mediado


Recomendação Ciclo/Série: Educação infantil, ensino fundamental (anos iniciais e finais) e ensino médio.

Autoria: Profa. Dra. Silvia de Oliveira Kist e Profa. Dra. Patrícia Behling Schäfer

Certificação: Universidade Estadual do Rio Grande do Sul



Como esse curso inova
Inova ao trazer práticas e inspirações para subsidiar transformações metodológicas e curriculares com foco no desenvolvimento integral dos estudantes.

Competências gerais da BNCC mobilizadas nos alunos

Comunicação
Empatia e cooperação
Autoconhecimento e autocuidado
Cultura Digital
Repertório Cultural

Veja alguns depoimentos sobre o curso

Uni o útil ao agradável, trazendo minha paixão e pesquisa por hortas para tratar sobre o conhecimento que os alunos já têm empiricamente, mas que precisa ser valorizado. Após fazer o curso, percebi que os alunos poderiam protagonizar a construção de jogos e que meu papel de professor seria apenas o de coordenar a atividade. Murilo Rodrigues, PA.
"
"